Como as borboletas ajudam a manter o ecossistema?

Borboletas podem moldar o ecossistema

Com toda a certeza as borboletas ajudam a manter o ecossistema equilibrado no mundo inteiro. A importância das borboletas para o meio ambiente é muito grande. Mas, na antigüidade, os insetos como as borboletas eram considerados “bestas do diabo”. Muito antes da invenção das fotos, Maria Sibylla Merian (1647-1717) fundiu sua paixão pela arte e pela natureza.

No início trabalhava com a finalidade de pintar belas imagens de flores. Posteriormente, com apenas treze anos de idade começou a retratar os insetos. Graças a suas ilustrações vívidas de seus ciclos de vida, ela conseguiu revolucionar o estudo científico dos insetos. Uma de suas primeiras observações foi uma metamorfose do bicho-da-seda.

Maria descobriu que a mariposa passava por estágios de desenvolvimento. Demonstrou nos desenhos que as larvas se transformavam. Essa descoberta contradizia a antiga teoria de que insetos eram “feitos de barro”. Por conseqüência, mudou para sempre a forma como as pessoas viam os insetos.

Seu trabalho mudou a percepção do público sobre a borboleta, como resultado diversos outros estudos se iniciaram. Hoje sabemos o quanto as borboletas ajudam a manter o ecossistema. Entendendo seu papel, podemos estar mais conscientes para ajudá-las.

As borboletas estão em todos os continentes do mundo, exceto na Antártida. O Brasil é o pais com o maior número de espécies no mundo, ultrapassando os 3.000 tipos. As borboletas desempenham vários papéis no ecossistema como por exemplo, atuam como polinizadoras e como fonte de alimento para outras milhares de espécies.

Menina com borboleta no rosto no borboletário em São Paulo

Já conhece o borboletário? Venha passar um dia gostoso com a família

Borboletas e o equilíbrio do ecossistema

Quase 90% de todas as plantas precisam de um polinizador para se reproduzir. À medida que as populações de abelhas diminuem, o papel da borboleta se torna ainda mais vital. Além disso ajudam na variação genética das espécies que polinizam, como resultado das suas longas migrações. Como resultado, as plantas ficam mais resistentes contra doenças.

Outra forma que as borboletas ajudam a manter o ecossistema é na cadeia alimentar. Como possuem diversas fases em diferentes tamanhos, acabam servindo de alimento para diferentes seres vivos. Dessa forma, com a diminuição das borboletas temos a diminuição de diversos seres vivos.

Isso gera um “efeito borboleta” assustador. Quase dois terços de todos os invertebrados podem ser conectados de volta à borboleta na cadeia alimentar. A perda deste inseto “insignificante” poderia colapsar ecossistemas inteiros que dependem tão fortemente deles. Afinal, como borboletas ajudam a manter o ecossistema?

A perda de habitats e a mudança climática são as maiores ameaças às borboletas hoje em dia. As borboletas são extremamente sensíveis a essas mudanças. Essa sensibilidade, embora útil para monitorar a saúde de nossos ecossistemas, é fatal para sua sobrevivência.

As borboletas monarcas, em particular, estão sofrendo como resultado dessas ameaças. Essas borboletas tão lindasjá foram muito comuns, mas agora sua população caiu 90% mundialmente. Estudos da World Wildlife Fund e outras organizações comprovam que o grande motivo é a perda da Serralha, planta da qual esta espécie se alimenta. Além disso a expansão de culturas geneticamente modificadas em toda a América do Norte tem diminuído as áreas dessa planta a cada ano.

Faça a sua parte! As borboletas ajudam a manter o ecossistema ao seu entorno

A Monarca não está sozinha em sua luta. Muitas outras espécies de borboletas estão sofrendo ameaças similares e um grave declínio populacional. Porém, há uma maneira de auxiliarmos esses maravilhosos insetos.

  1. Em primeiro lugar, nunca capture uma borboleta! Cada borboleta coloca 200-400 ovos em sua vida. Matando um borboleta, matamos essa quantidade de filhotes. Se você tem filhos, incentive-os a deixar as borboletas sozinhas para voar livremente. Nós devemos fazer mais do que admirar sua beleza. Nós devemos protegê-las.
  2. Como as abelhas, as populações de borboletas também podem ser prejudicadas por pesticidas. Então, uma ótima maneira de ajudar esses insetos a sobreviver é:
  • Aumentar o consumo de alimentos orgânicos
  • Evitar pesticidas no jardim da sua casa ou apartamento
  • Começar a cultivar a serralha e outras plantas de néctar em seu próprio jardim.

As borboletas são animais incríveis e precisamos fazer todo esforço possível para ajudá-las. Confira essas curiosidades sobre as borboletas.